Vinea apresenta os vinhos da Tedeschi

Em almoço descontraído e regado a bons vinhos e boa comida, a importadora Vinea apresentou sua novidade: a Tedeschi passa a fazer parte do seu portfólio de vinhos italianos. Já consagrada por trazer vinhos de qualidade, a Vinea agora tem mais um produtor de peso para nos deliciar.

Foram provados 05 vinhos (e mais um surpresa, no final). Todos muito bons, dentro de suas categorias. Vamos aos detalhes de cada um.

Valpolicella DOC Clássico Superiore 2006
R$ 59
Esqueça os Valpolicellas que você encontra em supermercados. Esse é um verdadeiro Valpolicella. Um vinho de cor rubi claro, com um leve halo de evolução. No nariz aromas de cereja, framboesa e um leve toque amadeirado, bem no final e bem discreto.
Na boca, contrariando a sua “leveza” na cor, o vinho é encorpado, tem boa estrutura e taninos finos. Interessante notar a sua composição de uvas: é feito com 30% de Corvina, 30% de Corvinone, 30% de Rondinella e os 10% restantes são compostos pelas uvas Rossignola, Oseleta, Negrara e Dindarella. Para se produzir o Valpolicella é necessário que se tenha em sua composição as 3 primeiras uvas, mas é permitido que se tenha também 10% do vinho feito com outras uvas. O produtor aproveitou isso e nos brindou com um blend bem diferente.

Capitel Dei Nicalo Appassimento Breve Valpolicella 2005
R$ 89
Com uma coloração rubi intenso e brilhante, é um pouco mais complexo que o anterior, mostrando bem o seu apassitamento. As uvas que compõem esse vinho passam um mês “secando”, para perder a água e ressaltar o açúcar.
Notas de frutas vermelhas já em geléia, terra e um leve toque adocicado compõem os seus aromas. Em boca tem boa estrutura e boa acidez. Um ótimo vinho, com um ótimo preço. Possui também a mesma composição de uvas do Valpolicella e passa de 18 a 24 meses em barrica antes de ser engarrafado.

Capitel San Rocco Rosso Valpolicella DOC Classico Superiore Ripasso 2005
R$ 113
Outro vinho que tem leve passagem pelo apassitamento, portanto mostra em seus aromas e em boca notas adocicadas. Um vinho bastante equilibrado e fácil de beber, sendo uma bela companhia para um bom prato à altura. Vale a pena provar pela sua qualidade e preço justo. A sua composição de uvas é a mesma dos dois vinhos anteriores.

Amarone DOC Clássico 2004
R$ 248
Os Amarones são vinhos que despertam paixões (a minha inclusive). Vinhos complexos e que merecem ser bebidos com calma, contemplando a sua beleza. Esse não foge à regra, apresentando no nariz aromas de geléia de frutas vermelhas, algumas frutas secas, groselha e outras. Em boca tem ótimo corpo e final adocicado e elegante. Um ótimo vinho, que merece decantação/aeração, pois se torna melhor depois de algumas horas aberto.

Capitel Monte Olmi Amarone della Valpolicella DOC Classico
R$ 496
O Amarone top da casa, que vale o seu preço (ou até mais). Um vinho extremamente elegante e complexo, para se ficar um bom tempo apreciando.
Coloração rubi com um leve halo com reflexos granada. No nariz um festival de frutas passitas mescladas com geléia de amora, groselha e framboesa.
Em boca é forte, potente, com final longo e muito agradável. Um grande vinho. Mas se você resolver comprar um, sugiro que tente guardar por mais algum tempo. O vinho ainda está jovem e se conseguir esperar mais uns 5 anos (ou até mais), vai ter uma grata surpresa.

E quando pensávamos que o dia estava completo, nos serviram o Amarone La Fabrisseria Classico 2003. Um vinho raro e que não há mais aqui no Brasil para comprar. A Vinea importou apenas 24 garrafas que foram vendidas muito rapidamente. A Adriana e o Aguinaldo então resolveram nos presentear com um pouco desse néctar, abrindo a sua última garrafa. É um vinho que custa em torno de mil reais e esse eu me privo de comentar, porque qualquer coisa que eu falar, será desnecessária, pois o vinho é perfeito! Um final fechado com chave de ouro, sem dúvida.

Parabéns à Vinea pela aquisição do novo produtor para seu catálogo. Quem tiver oportunidade, deve provar os vinhos, que têm uma excelente qualidade.

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>