PF (Pie Franco) 2009

Quando fui provar os vinhos novos da Wine Society, confesso que estava sem grandes expectativas. Não por não acreditar na importadora (aliás, muito pelo contrário, pois tenho provado vinhos excelentes deles), mas porque eu não tinha muitas informações.

Mas quando cheguei lá, para a minha felicidade, conheci excelentes vinhos que tinham acabado de chegar no catálogo e que me parece que valem muito a pena serem conhecidos.

Provei primeiro o Tocado 2009, um vinho jovem e muito fácil de beber e me encantei, o que já me deixou bem animado.

Aí, pra ajudar, provei depois o PF 2009. PF significa Pie Franco. E “pé franco” é um termo muito utilizado na enologia e significa que o pé é “original”, ou seja, nunca recebeu nenhum enxerto. E enxerto, pra quem também não sabe, é uma forma de se mudar o tipo de uva sem ter que arrancar o pé de vinha da terra. Eles cortam no talo e enxertam a nova muda, entã se você tinha originalmente um Merlot, por exemplo, e colocou um enxerto de Cabernet Sauvignon, aquela planta vira uma Cabernet Sauvignon, com todas as suas características. Praticamente um passe de mágica.

Mas no caso do PF, o pé é franco, ou seja, nunca foi enxertado. E aqui estamos falando da uva Bobal, que é um das uvas mais utilizadas na região de Manchuelo, na Espanha. Essa uva tinta é bem interessante e dá vinhos muito legais. Já provei alguns e gostei bastante, mas gostei em especial desse PF.

É um vinho muito intenso e com bom potencial de guarda (isso se você tiver paciência).  Tem aromas de frutas vermelhas, com um toque de chocolate, mas contrastando com um verde que parece banana verde. Uma coisa muito louca e que deixa a gente ao mesmo confuso mas também interessado no vinho.

Sua acidez muito presente e taninos marcantes também não passam despercebidos e pedem comida. É daqueles vinhos que você pode levar para uma degustação com amigos e falar: “Olha aqui esse vinho que eu trouxe, que é diferente de todos os que já provamos” e o risco de estar enganado é muito pequeno.

Gostei também do custo dele, que gira em torno dos 115 reais na importadora.

Ah, pra quem gosta das pontuações, esse ganhou 92 pontos do Robert Parker. Tá convencido agora? J

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>