Os vinhos da Odjfell e seu conceito de orgânico e biodinâmico

Você já ouviu falar em vinhos orgânicos e biodinâmicos, certo? Esse é um tema que vem sendo discutido há um bom tempo quando se fala em vinhos mais “naturais” e é crescente o número de pessoas interessadas em saber mais sobre isso.

E se você se aprofundar um pouco, verá que o tema é realmente interessante. De uma forma bem geral e simplista, o orgânico é aquele que não trata o vinhedo com nenhum aditivo químico e o biodinâmico segue um conceito ainda mais amplo, que engloba desde o manejo sustentável do solo até a observação das forças dos astros que regem nosso sistema solar. É algo realmente bonito e que funciona.

Para contar mais sobre o tema, o viticultor Arturo Labbé, responsável pela produção das uvas da Odjfell (Chile) esteve no Brasil e apresentou um pouco sobre como ele trabalha esses conceitos na vinícola e sobre qual é o impacto disso para os vinhos. Em uma palestra muito didática, onde percebe-se claramente a sua paixão pelo que faz, Arturo mostrou um pouco de como é o preparo da terra e todo o cuidado que deve se ter com o meio ambiente ao trabalhar o biodinamismo. Gostei muito e passei a admirar ainda mais os vinhos deles.

E para comprovar a qualidade, provei alguns da linha importada para o Brasil e gostei principalmente do Sauvignon Blanc e do Winemarkers Travesy. Se você se interessar pela ideia (ou por beber bons vinhos chilenos), dê uma olhada e busque o seu.

 

Armador Sauvignon Blanc 2012
R$ 49
Daqueles super fáceis de beber e com toda a cara de uma tarde quente. Com queijo de cabra fica espetacular. Aromático, macio. Nessa faixa de preço, vale muito a pena.

Winemakers Travesy 2009
R$ 98
Foi o que mais se destacou para mim, dentre todos os que eu bebi nesse dia. Super aromático e com aquele toque medicinal que deve ser da Carignan. Na boca tem ótima acidez e final que fica por muito tempo. Não passa depercebido. Como é mais leve, é mais fácil de beber por mais tempo e até um pouco mais resfriado.

aliara_OdjfellAliara 2010
R$ 154
Apesar de ter mais uvas diferentes na sua composição, não achei que ele estava super complexo. Tem bastante fruta, mas pareceu um pouco fechado, mostrando poucos aromas. Passa 18 meses em barrica,mas não sente-se aquele aroma pesado. Mas quando veio a comida (um cordeiro cozido a baixa temperatura) tudo mudou e ele foi super bem.

Odjfell Malbec 2010
R$ 285
Muita fruta, bastante intenso no nariz e na boca. Precisa de uma boa comida (como um cordeiro) para acompanhar. Custa caro, mas vale a pena. É um vinho para guardar por muito tempo se quiser.

Os vinhos da Odjfell você encontra na World Wine.

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>