Os fantásticos Chablis de Daniel-Etienne Defaix

Chablis é clássico. Difícil não se apaixonar. E olha que eu sou um “não-fã” de Chardonnay, mas quando se trata de Chablis, a história é outra. Parece que acontece uma mágica por lá.

E recentemente tive a oportunidade de provar quatro vinhos feitos por lá, pelo produtor Daniel-Etienne Defaix, importados pela PNR Vinhos, do senhor Phillippe de Nicolay-Rothschild (sim, daquele grande Chateau nem Bordeaux). Aliás, se quiser beber vinhos de grande qualidade de olhos fechados, pode buscar o portfólio deles. É impressionante!

Mas vamos aos vinhos:

Chablis Vieilles Vignes 2013
R$ 295,00
Feito em um estilo mais antigo, esse vinho pareceu bem maduro e elegante, mas com um toque mais “picante”. O produtor guarda o vinho por mais tempo do que normalmente se espera, deixando ele realmente pronto e com uma mineralidade e persistência acima do normal.

Chablis Premier Cru Côte de Lechet 2003
R$ 415,00
Toques expressivos de frutas amarelas, super aromático, mineral, mas com um aroma mais evoluído (que encanta). Sugiro deixar um tempo na taça para evoluir com o tempo. Depois de uma meia hora, fica ainda melhor e é capaz de dar até dó de beber.

Chablis Premier Cru Les Lys 2004
R$ 415,00
Tem uma fruta mais presente e intensa, muito mineral. Gastronômico e de bom potencial de envelhecimento. Beber esse vinho com lagostas ou ostras deve ser algo de outro mundo!

Chablis Grand Cru Blanchot 2005
R$ 855,00
Corpulento, mas com uma impressionante fluidez. Aromas muito complexos e que vão se alternando durante o tempo em taça e se confirmando na boca. Mineral, flores, frutas, mel e ervas você vai encontrar nesse vinho, que merece ser bebido com muita calma e na minha opinião, sem comida. Só ele, para contemplar.

Sobre a vinícola Daniel-Etienne Defaix
Daniel-Etienne Defaix é descendente de uma família tradicional de produtores de Chablis, na Borgonha. Os seus ancestrais cultivam os vinhedos desde o século 16. O terroir foi selecionado ainda no século XII, pelos monges cisterciens de Pontigny. No total, são 28 hectares que Defaix e seu filho cuidam com todos os esforços, para que a tradição familiar seja mantida. A reputação deste produtor é intimamente ligada a atitude de produzir com maestria grandes vinhos de guarda,  comercializando apenas quando ele estiver convicto que seus vinhos estejam prontos para beber. Por conta disso, não é por acaso, que seus vinhos estão há vinte anos nas melhores cartas de restaurante do mundo inteiro.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>