Novidades na linha Marques de Casa Concha

A linha de vinhos Marques de Casa Concha é bem conhecida no Brasil e tem vinhos feitos com várias uvas (Cabernet Sauvignon, Syrah, Merlot, Chardonnay, Pinot Noir e outros). Conhecida e apreciada, por sinal.

Marques-de-Casa-Concha-Pais-Cinsault-2014E se essa linha hoje é sinônimo de vinho estruturado, encorpado, potente, preste atenção nesta notícia: o enólogo Marcelo Papa está querendo mudar isso. Prova é que ele esteve no Brasil para apresentar dois vinhos “Edição Limitada”. Um feito com uva Cabernet Sauvignon, mas colhidas um pouco mais cedo do que o habitual e com menos passagem por madeira e outro, que foi para mim a grande sensação da degustação, feito com as uvas País e Cinsault.

A uva País, para quem não conhece, é de uma linhagem digamos ‘menos nobre’ e por isso ficou esquecida no Chile por muitos anos. Está sendo recuperada agora e dando vinhos bem interessantes, leves, fáceis de beber e com toda a cara do verão. A Cinsault é uma das grandes apostas do Chile. Variedade francesa que é usada para corte, mas que dá um pouco mais de corpo e até cor para o vinho. Veja aqui algumas fotos dos vinhedos e das uvas.

 


Marcelo Papa uniu essas duas uvas e produziu um vinho leve, com menos cor do que o habitual, com aromas de frutas vermelhas bem frescas e para ser bebido até um pouco mais refrescado. É abrir uma garrafa e ficar de olho, porque se estiver em um grupo relativamente grande, a chance de você completar a sua taça novamente vai ser pouca. Muito fácil de beber e também de combinar com pratos.

Provei ele com um polvo feito pelo Chef Carlos Bertolazzi (Zena Caffé / embaixador da marca no Brasil) e também junto com um Chardonnay da linha. O Chardonnay foi super bem, mas eu gostei mesmo foi do Pais/Cinsault por ser mais inusitado.

polvoE o Cabernet Edição Limitada também vale a pena ser provado. Mais leve, mais fácil de beber e mais fresco. Do jeito que a gente gosta quando está bem quente.

Fique de olho, porque o Marcelo Papa tem planos. Eu arriscaria dizer (e seria uma boa notícia) que essa é a linha do Marques de Casa Concha no futuro. Vinhos mais fáceis, leves e alegres.

Obrigado, Marcelo. Continue fazendo bons vinhos assim. É disso que precisamos.

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

3 Comentários

  1. 1
  2. 2

    Daniel, você sabe onde conseguir o Cabernet Edição Limitada?

    Abraço

  3. 3

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>