Nahe Treu Pinot Noir 2018

Sabe aquele país produtor de vinho que você curte, acha que tem muita coisa legal, mas que acaba bebendo pouco de lá, sem nem saber ao certo por que? Pois isso acontece comigo com os vinhos alemães.

Adoro os Rieslings, os Pinot Noir (como é o caso desse) e os vinhos de sobremesa, mas bebo bem poucos vinhos vinhos de lá.

Enfim, para a minha sorte, a seleção do mês de Março da Sociedade da Mesa (clube de vinhos) foi com dois vinhos alemães. Esse que é um Pinot Noir super bacana e um branco, que eu conto em breve.

Nahe Treu Pinot Noir 2018 (produzido por Weingut Michel)para mim foi uma delícia, pois era exatamente o que esperava. Um vinho leve na cor, nos aromas e nos sabores. Se você beber ele na temperatura indicada normalmente de 18 graus, ele vai ficar super aromático e você poderá ter uma comida até mais encorpada, mas eu preferi dar uma geladinha a mais nele, deixando a uns 15 graus e ficou aquele “suquinho” pra se beber de litro. Não consegui fazer esse prato no dia, mas acho que um steak tartar ficaria ótimo com ele. Se você quiser arriscar até uns sushis, pode ser que dê certo.

E você, bebe bastante vinho alemão? Me conta aí.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>