Dica de Livro – A Bíblia do Vinho

Você não precisa ser um estudioso de vinhos para ter alguns livros sobre o assunto em casa. O tema é sempre recheado de muita história, particularidades e curiosidades. Não é à toa que o vinho incita paixões há séculos (pra não dizer milênios).

E como eu gosto muito de livros e de vinhos, não seria difícil concluir que eu tenho vários sobre o assunto. Tenho livros pequenos, mas também tenho alguns “grandes”, bem ao estilo enciclopédia. Tenho o “Atlas Mundial do Vinho”, tenho o “Larousse do Vinho” e alguns outros, e achava que não encontraria mais nenhum nesse formato que me trouxesse alguma informação diferente. Quando ganhei “ABíblia do Vinho”, que foi um presente do meu tio, sinceramente esperava encontrar mais ou menos as mesmas informações que eu encontro nos livros citados acima.

Estava enganado. A Bíblia do Vinho é um guia bastante completo sobre as regiões produtoras de todo o mundo, mas o diferencial dele é a linguagem um pouco mais leve que os outros, além de uma organização bastante interessante, dando até dicas do que procurar, quando for visitar os lugares. As poucas seções que eu pesquisei realmente apontam os bons produtores do local. As informações sobre as uvas também são claras e num formato bastante didático. Há até informações de harmonização com pratos locais.

Fica então a dica para quem quer ter um bom livro sobre o vinho em casa. Completo, informativo, de fácil leitura, assim é a Bíblia do Vinho.

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

2 Comentários

  1. 1

    Olá Daniel,
    Boa dica, eu tenho o Atlas e acho ele muito bom, mas é ótimo saber que há outros livros com conteúdo de primeira linha. Preciso dar uma olhada nesse.

    A propósito, queria ir no encontro de vinhos, no dia 05/08, como reservo ?

    Abraço,

    Rodrigo
    esseeutomei.com

  2. 2

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>