Comtes de Champagne Taittinger 2000

Beber champagne é algo que eu gostaria de fazer diariamente. Sim, sei que vão falar: “Ah, claro, só você…”. Mas eu explico: quando me perguntam qual é o tipo de vinho que eu mais gosto, não tenho dúvidas em responder que são os espumantes. E claro que qualquer fã de espumantes é ainda mais fã de Champagne, não é verdade?

E quando provo champagnes safrados então, aí sim que fico maluco. É realmente algo mágico, que faz a gente praticamente delirar. E foi assim quando provei a Comtes de Champagne Taittinger 2000.

Sabe aqueles champagnes evoluídos, mas que quando você bebe tem ainda muito frescor? Esse é assim. Feito só com a uva Chardonnay, vem numa garrafa bonita, que já nos deixa impressionados logo de cara.

Se você tiver oportunidade de provar um desses, não deixe de fazê-lo. Sim, sei também que é caro e que não dá pra gente beber a qualquer momento (e para muitos, infelizmente, é muito difícil). Mas pra quem conseguir, fica a minha mais forte recomendação.

E pra terminar, deixo as palavras do Sr. Taittinger, que esteve no Brasil apresentando seus vinhos. O homem, como ele mesmo diz, pode não ser o mais rico do mundo, mas com certeza é um dos mais felizes.

“Champagne é a porta para a felicidade. As mulheres da China, por exemplo, não gostam de ver os seus homens bebendo vinho tinto porque eles dormem depois. Com champagne é diferente.”

Fala pra mim se ele não sabe das coisas?

Um abraço
Daniel Perches

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>