Casa Silva Gran Reserva Carmenere 2007

Gosto dos vinhos da Casa Silva e estou sempre disposto a conhecer novos rótulos deles (e como são muitos, tem que ir com calma e conhecendo aos poucos).

Dessa vez foi o Casa Silva Gran Reserva Carmenere 2007, um vinho que está na hora de tomar e é bem fácil de entender.

You Might Also Like

6 Comentários

  1. 1

    fiquei confuso oque o porto tem ha ver com o pasito é o mesmo vinho? e os biscoitinhos são portugueses ou italianos? oque siguinifica lbv?

  2. 2

    A Casa Silva tem vinhos maravilhosos. O Matoso (professor da ABS de Brasília) nos falou que os reserva quase são tão bons quanto os gran reserva e são bem mais baratos. O que vc acha?

  3. 3

    Olá Diego

    Boas questões que merecem até um novo post, mas vou te responder.
    Os biscoitos são para acompanhar o porto. Eles são em geral usados para acompanhar o vinho passito, que é um vinho de colheita tardia feito na Itália, mas vão bem com outros vinhos de sobremesa também, como o Porto.
    LBV significa Late Bottled Vintage, ou seja, um vinho que foi engarrafado e feito com uvas procedentes de uma só safra. Isso é importante para eles ressaltar no rótulo, pois em geral os Tawny e os Ruby são feitos com safras diferentes. Quando fazem um LBV significa que a safra foi muito boa e que produzirão um vinho de ótima qualidade.

    Espero ter esclarecido e em breve farei um post com mais informações, para ficarmos todos sabendo bem as denominações.

    Abraços

    Daniel

  4. 4

    Edgar

    Acho que a diferença pode ser sutil, mas ainda diria que os Gran Reserva são superiores. Mas é claro que se colocarmos o fator preço no meio, eu também ficaria com os Reserva, que são muito bons e mais baratos.

    Abraços

    Daniel

  5. 5

    Olá Daniel, tenho o Casa Silva Gran Reserva do mesmo ano, mas só que não o Carmenere, e sim o Shiraz, fruto de minha viagem ao Chile. Vc acha que também está no ponto também?? Ou Shiraz aguenta mais??

    Já provou??

  6. 6

    Rodrigo, aguentar aguenta. Aí depende de quanto você gosta de vinhos evoluídos. Se você quer um vinho potente e com bastante tanino, talvez seja a hora de abrir. Se gostar daqueles vinhos mais complexos, com aromas de frutas mais passas ou secas, balsâmico, medicinal, aí você pode deixar mais pra frente.

    Um abraço

    Daniel

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>